Descrição do Blogue

Este blogue permite visualizar trabalhos realizados pelos alunos nas disciplinas de Educação Visual, Educação Tecnológica, Artes Visuais e na área de Expressão Plástica, no âmbito dos conteúdos abordados ao longo das unidades didáticas. Foi criado com o objetivo de cultivar nos alunos o gosto pela expressão artística, motivá-los para a realização das atividades através da linguagem plástica e visual e promover o seu sucesso escolar.

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Perspetiva Cónica

Vivemos num espaço tridimensional.
O espaço é o lugar que ocupa a forma. 
Se a forma for plana, ocupa um espaço bidimensional.
Se a forma for volumétrica, ocupa um espaço tridimensional.
A perspetiva é o sistema que em desenho melhor funciona para iludir a terceira dimensão, dando-nos a sensação da profundidade.
Para desenhares na folha de papel, cujo espaço pictórico é bidimensional, podes usar uma das técnicas de representação em perspetiva - a perspetiva cónica.

A visão em perspetiva faz com que linhas retas paralelas em grandes profundidades pareçam convergir num ponto da linha do horizonte.
Para desenhares um cubo ou outra forma na perspetiva cónica é necessário saberes identificar os seus elementos essenciais:

- Ponto de Vista (PV) - pode ser identificado por uma linha vertical perpendicular à linha do horizonte. O ponto de vista encontra-se no cruzamento destas duas linhas. Dependendo do ângulo visual de observação, a linha vertical que localiza o ponto de vista pode situar-se centralizada ou num de seus lados, esquerdo ou direito;

- Linha do Horizonte (LH)representa o nível dos olhos do observador;

- Ponto de fuga (PF- ponto situado na linha do horizonte para onde convergem as linhas retas paralelas;

- Linhas de fuga (LF) - são as linhas imaginárias cuja convergência e afunilamento em direção ao ponto de fuga geram a sensação visual de profundidade.


Pontos de vista do observador: perspetiva frontal 
(um ponto de fuga)

O observador coloca-se de frente a uma das faces visíveis do objeto

8º E - Ana Gomes 1. 

8º E - Ana Gomes 2.

8º E - Eduarda Couto 1.

8º E - Eduarda Couto 2.

8º E - Ana Cláudia Carvalho

8º E - Leonardo Esteves

8º E - Gonçalo Silva

8º F - Fátima Graça

8º F - Ana Débora Araújo 1.

8º F - Ana Débora Araújo 2.

8º F - Diogo Pereira

8º F - Mariana Faria 

8º F- João Peixoto

8º F - Nídia Barbosa 1.

8º F - Nídia Barbosa 2.

8º F - Carolina Faria
8º F - Bruno Veiga

8º G - Francisca Machado 1.

8º G - Francisca Machado 2.

8º G - Maria Borges 1.
8º G - Maria Borges 2.

8º G - Raquel Lopes

8º G - Ana Rita Nascimento

8º G - Tiago Martins

8º G - Inês Domingues

8º G - Sónia Araújo


Perspetiva angular:  acima, sobre e abaixo do nível dos olhos do observador
(dois pontos de fuga)


O observador vê de frente uma aresta e obliquamente as faces que a determinam

8º E - Inês Carvalho

8º E - Ana Cláudia Carvalho

8º E - Gonçalo Silva

8º E - Ana Gomes

8º F - Ana Débora Araújo

8º F - Carolina Faria

8º F - Mariana Faria

8º G - Rita Nascimento

8º G - Maria Borges

8º G - Raquel Lopes



4 comentários:

  1. Inês Granja Nº13 8ºGsexta-feira, maio 30, 2014

    Na perspetiva cónica, com um só ponto de fuga, o trabalho que mais apreciei foi o da Nídia Barbosa do 8ºF. A parte que mais me agradou foi o rigor: tem um bom paralelismo nas linhas, nota-se bem a diferença do cheio do traço das linhas auxiliares e das do "sólido" e as dimensões das faces, que dão o efeito de profundidade ao mesmo, batem certas(o que podia ter sido difícil, tendo em conta a forma da letra escolhida).
    Em geral parece-me ser um trabalho muito bom.

    ResponderEliminar
  2. Diogo Monteiro nº6 8ºGterça-feira, junho 03, 2014

    Todos estes trabalhos têm bastante rigor, o que é necessário para conseguir realizar um trabalho com 1 ponto de fuga. Conseguimos perceber a diferença entre os traços das linhas auxiliares e dos traços do sólido em si. Dependendo da escolha da letra traçar a profundidade pode ser mais dificil, como por exemplo no L. O trabalho de que mais gostei foi o do Tiago Martins do 8ºG.

    ResponderEliminar
  3. António Ferreira Nº3 8ºGquarta-feira, junho 11, 2014

    Todos os trabalhos estão bons.Especialmente o da Raquel Lopes, porque acho que a técnica do desenho em perspetiva com dois pontos de fuga foi bem aplicada e tem boa qualidade de pintura.

    ResponderEliminar
  4. Sandro Silva nº21 8ºgquarta-feira, junho 11, 2014

    Os trabalhos na perspetiva cónica com um ponto de fuga estão muito bem feitos e com muito rigor.
    Na letra o trabalho do Tiago Martins está com muito rigor e muito bem pintado.

    ResponderEliminar